Cardarine (GW501516) – Benefícios e Efeitos Colaterais 2019

Vote neste post
Cardarine (GW501516) – Benefícios e Efeitos Colaterais 2019

Imagina um remédio que promete eliminar a gordura e perder peso? Ele existe? Sim, ele existe e virou febre entre atletas profissionais e amadores. Mas, é preciso entender como essa substancia age no organismo e todas as informações necessárias sobre ele.

Antes de tomar qualquer medicamento é aconselhável procurar orientação médica, pois como veremos a seguir alguns grupos de pessoas são restritos ao uso do produto.

Medicamentos compostos contem em sua formulação dois ou mais sais. Muitos produtos são nomeados como medicamento composto e agem de diferentes maneiras, para diferentes finalidades. Um exemplo é GW501516, ou também conhecido por outros nomes.

MAS, O QUE É O GW501516?

GW501516 é um medicamento composto conhecido por ajudar na queima de gordura. No mercado também pode ser encontrado com os nomes de  endurobol, cardarine ou ainda  GSK-516 e é  vendido pela Internet. Atualmente é usado por praticantes de atividades físicas. O  uso do GW501516, por esses atletas é pelo simples fato de que ele ajuda a aumentar o metabolismo e a queimar gordura. Existem registros sobre  o Cardine, falam que ele  foi desenvolvido para ser usado na diminuição o do tamanho dos tumores  encontrados na próstata, colón e seios.

O medicamento foi descoberto no inicio dos anos 90, por duas empresas farmacêuticas.  Uma publicação na Academia Nacional de Ciências em 2001, onde o desenvolvimento da droga foi delineado mostrou duas fases de comprovação do GW501516. A primeira fase começou em 2000 e em 2007 a fase 2 havia sido concluída com estudos clínicos relacionados entre obesidade, problemas com diabetes e doenças cardiovasculares após a utilização do Cardarine.

Apesar dos médicos descontinuarem o uso, ainda por razões desconhecidas, o composto tornou-se muito popular entre a comunidade fitness, justamente por essa função de queimar a gordura.

COMPOSIÇÃO DO CARDARINE

O Cardarine é uma composição tripla, ou seja, cada componente tem propriedades distintas com ações benéficas para a saúde. Para entender melhor, vamos compreender as funções de cada composição do medicamento.

– 6’7′-dihydroxybergamottin (DHB): é um composto orgânico químico natural encontrado nos sucos da grapefruit e da laranja de Sevilha. Ele é conhecido como amplificador anabolizante e  faz com que o GW501516 permaneça por mais tempo no sangue, prolongando os efeitos benéficos da substância.

– Cardarine: Ele é conhecido por PPAR-Delta ou receptores ativados por proliferador de peroxissoma.  A peroxissoma é uma organela membranosa rica em enzimas oxidativas que atua no metabolismo dos lipídios e na oxidação de substâncias tóxicas. Além disso, o Cardarine faz com que o corpo mude a forma de gerar energia e queime a gordura gerada pelos ácidos graxos.

– Piperine: É um composto termogênico, ou seja, uma associação de cinco alimentos (gengibre, canela, café verde, pimenta e laranja amarga), no caso o piperine é extraído da pimenta preta. Sua principal função é acelerar o metabolismo, fazendo com que a gordura queime de forma mais rápida, auxiliando também na digestão e na perda de peso.

O QUE DIZEM OS ESTUDOS SOBRE O GW501516? 

Estudos feitos em animais mostraram que o uso da GW501516, ajuda a queimar gordura. Nesse caso os pesquisadores testaram a substância em ratos considerados sedentários e observaram que os mesmo se tornaram animais “fitness”. É isso mesmo, em oito semanas de tratamento e sem treinar, os ratinhos conseguiram correr 110 minutos a mais até atingirem o ponto de exaustão, que é quando falta açúcar no sangue para gerar energia.

O estudo foi publicado na revista cientifica Cell Metabolism. A conclusão dos pesquisadores dos Estados Unidos, Suíça e Austrália foi que o uso do Cardarine melhorou o desempenho físico.  Ainda de acordo com o estudo, essa substância pode ser um facilitador para que pessoas com limitações físicas, como obesidade e disfunções cardiovasculares e pulmonares, possam fazer mais exercícios.

A utilização do GW501516 pelos cientistas se deu porque a substância ativa o gene PPARδ, identificado na pesquisa como um dos principais agentes durante o exercício. A  explicação foi dada pelo biólogo molecular e endocrinologista Michael Downes, do Instituto Salk, nos Estados Unidos.

GW501016 NA MEDICINA

Na medicina o GW501516 ajuda na redução do triglicérides, um dos vilões que aumenta o risco de problemas cardíacos, que é uma gordura presente no sangue e o açúcar no sangue. A utilização do mesmo é capaz de reduzir os níveis de colesterol assim melhorando a saúde do coração. Hoje é usado por muitos atletas porque ajuda a aumentar o metabolismo.

O uso desse composto também aumenta a capacidade enzimática da beta-oxidação de ácidos graxos, melhorando o ciclo de Krebs ou ciclo do acido cítrico que ajuda no metabolismo das células e da fosforilação oxidativa, uma das etapas metabólicas da respiração celular.

 QUAIS OS BENEFÍCIOS DO GW501516: 

A composição do  GW501516 tem o objetivo de ajudar quem deseja perder peso e está em busca  de um corpo bem definido.   De acordo com o estudos,  o uso do GW501516 traz muitos benefícios como:

  • Resistência: O uso do GW501516 aumenta rapidamente a resistência.
  • Perda de gordura: Tem propriedades de queimar gordura.
  • Treinamento intenso: O uso do medicamento ajuda durante as series de exercícios e ajuda a manter o ritmo cardíaco  durante o treino.
  •  Além dos principais benefícios já citados aqui o uso do GW501015 também tem outras funções como:Aumento o HDL, o colesterol bom, ele é capaz de absorver os cristais de colesterol que são depositadas nas artérias.  Ele ainda reduz o LDL o colesterol ruim é um dos causadores de inúmeras doenças cardíacas e também responsável por transportar o colesterol do fígado até as células dos tecidos favorecendo o acumulo nas paredes internas das artérias.  Melhora a função respiratória.
  • Queima de gordura sem o catabolismo proteico, ou seja, não libera a energia química dos alimentos ingeridos.
  • Melhora a resistência à insulina, sendo possível reverter síndrome metabólica, que está ligada principalmente em obesos pré-diabéticos que desenvolvem vários problemas de saúde.
  • Combate o efeito colateral que a trembolona, um anabolizante esteroide, utilizado para o crescimento de músculos causa no sistema cardiovascular.
  • Aumento biogênese mitocondrial processo pelo qual as células aumentam sua massa mitocondrial.

COMO FAZER USO DO GW501516? 

A dosagem para um atleta deve ser de 20 mg, antes do treino, cerca de 30 minutos a 1 horas antes de iniciar suas atividades e tomado uma vez por dia.  A duração do ciclo recomendado para o Cardarine  é de 4 a 12 semanas. Se usado em excesso o  medicamento perde sua eficácia. Mas, antes de usar qualquer substância você deve procurar um médico, para fazer o uso correto da dosagem e se necessário pausas com o composto.

Vale lembrar que o Cardarine, como já foi dito neste artigo  não possui propriedades hormonal, anabolizantes ou androgênicas. Apesar disso, o uso dessa substância segundo pesquisas é considerado seguro tanto para homens quanto para mulheres.

O Cardarine pode ser usado sozinho, porém, muitos atletas escolhem usar junto com outros SARMS ou com anabolizantes para regular pressão e não deixar o HDL, o colesterol bom  cair e equilibrando os efeitos colaterais. O ideal é que a pessoa procure orientação médica antes de ingerir qualquer produto.

QUAIS OS EFEITOS COLATERAIS DO GW501516?

Efeitos colaterais do Cardarine são mínimos ou quase que inexistentes. Por não ser hormonal não tem habilidades anabolizantes ou androgênicas, ou seja, a função de produzir hormônios.

Mesmo assim, antes de fazer o uso desse medicamento composto é importante procurar uma orientação medica. 

CONTRAINDICAÇÕES

A princípio não possui contraindicações. Mas, alguns grupos não devem fazer uso dessa substância como: mulheres gestantes, idosos, menores de idade ou pessoas que possuem alguma doença crônica.  Como já informado é indicado consultar um médico para uma avaliação.

PROIBIÇÃO DA SUBSTÂNCIA EM JOGOS OLÍMPICOS 

Em 2008 durante os Jogos Olímpicos de Pequim, na China que a  WADA (Agência Mundial Anti-Doping) o uso da substância ainda não havia sido proibida e se tornou muito difundido entre os atletas.  Após, inúmeros os resultados dos exames, a entidade decidiu proibir o uso do GW501016 em 2009, depois de ser  tão comum entre os atletas. O uso da substância em competições pode ser detectada através do exame de urina e se confirmada o atleta pode vir a sofrer punições graves. Mesmo sendo proibido ainda há muitos atletas que fazem seu uso e são  pegos nos exames doping pelo uso da cardarine.

Os casos mais recentes envolvendo atletas e o uso do GW501016 aconteceram em 2012 e 2014. O primeiro aconteceu em 2012,  quando a equipe de ciclista costa-riquenhos foram pegos no doping  e todos foram  banidos da competição. Outro caso envolvendo o uso do cardarine em competições aconteceu em 2014 quando marchadora russa Elena Lashmanova, que depois de quebrar o recorde mundial na caminhada de corrida dos 20 km, que acusou em seu exame, o uso da substância. A atleta foi suspensa pela Federação Internacional de Atletismo por dois anos.

PROIBIÇÃO NO BRASIL

Lembrando que aqui no Brasil, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) proibiu a comercialização do Cardarine em todo  território nacional,  porque  o  produto não está registrado no órgão e não há comprovação da real eficácia do produto e a segurança do medicamento.

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

Deixa uma mensagem no whatsapp, responderemos assim que possível.

(11) 94272-6195